ILPIs em rede: estratégia e colaboração para o bom uso dos recursos

Atualizado: Mai 29

Aconteceu, no último dia 30 de abril, encontro com os dirigentes das 28 Instituições de Longa Permanência filantrópicas de Belo Horizonte, com o objetivo de esclarecer dúvidas sobre o uso do recurso deliberado pelo Conselho Municipal do Idoso para o enfrentamento da pandemia da Covid-19.


O encontro on-line promovido pelo projeto Rede 3i reuniu cerca de 40 pessoas, que em rede, compartilharam experiências e desafios no uso da verba destinada a ações de contenção de riscos de contágio dentro dos lares. Nessa ocasião, a presidente do Conselho Municipal do Idoso (CMI/BH), Fernanda Matos, apontou caminhos para uma gestão eficiente.


Para a presidente, a aplicação do recurso pelas ILPIs vai além da compra de produtos. O uso da verba deve estar diretamente ligado ao bem-estar do idoso. A contratação de serviços, o melhoramento de estruturas físicas da instituição, instrumentos que favoreçam uma boa higienização do local; além da garantia de segurança para um completo atendimento ao residente, são exemplos de bom uso do recurso.


O objetivo é ajudar, trocar experiências e buscar soluções a fim de manter o alto nível de cuidado e responsabilidade para com os residentes.


Se você não pôde participar, confira na memória da reunião as respostas dos questionamentos levantados. Eles podem auxiliar sua instituição na decisão de compra dos insumos necessários para o bom andamento do lar durante essa crise. São diretrizes capazes de fortalecer, capacitar as equipes e promover o bem-estar dos acolhidos.


29 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco

© 2020 CeMAIS |  Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Agência Ápice  | CNPJ : 08.415.255/0001-27