NOTÍCIAS

A importância do conhecimento na hora da captação de recursos

Confira 6 indicações que podem te ajudar na hora de captar recursos para a sua organização!


Mudança de realidade. Este é um dos principais objetivos de grande parte das organizações sociais que, por meio de seus projetos, buscam transformar a vida e a perspectiva daqueles inseridos no seu contexto. Diante da atual situação econômica do país, projetos que antes pareciam pouco viáveis, agora podem ter se tornado impossíveis de se realizar. A dificuldade na hora da captação de recursos, agravada principalmente pelo período de pandemia, é uma realidade que afeta pequenas e grandes instituições de todo o país, mas a habilidade de buscar os investimentos necessários no momento e lugar correto pode ser o diferencial para o sucesso de um projeto.


Com o objetivo de fortalecer as ações de captação de recursos das organizações sociais, o projeto Rede Criança e Adolescente Fomentando OSCs indica 6 plataformas que sua organização precisa conhecer!


Prosas


Uma plataforma voltada para a divulgação de editais e projetos, o prosas.com.br é uma alternativa tanto para patrocinadores, quanto para instituições sociais. Com o objetivo de conectar os dois lados interessados, o site conta com uma seção inteiramente dedicada a divulgação de editais de incentivo, com centenas já publicados, e que podem ser filtrados por local de atuação, área de interesse, fonte de financiamento, ODSs e público-alvo, facilitando assim para que organizações sociais encontrem aqueles editais que se encaixem melhor no seu perfil. Além de editais, o site também conta com uma seção voltada aos projetos, onde instituições podem divulgar suas ações para que patrocinadores cadastrados as encontrem de forma simples na hora de escolher quem apoiar. Os projetos são classificados por áreas e sub-áreas de atuação, facilitando assim o reconhecimento das ações que se encaixam no perfil desejado por aqueles que buscam patrocinar.


Associação Brasileira de Captadores de Recursos


O site da ABCR (Associação Brasileira de Captadores de Recursos), o captadores.org, é uma ótima opção para as instituições que buscam se aprofundar no assunto. Além de uma seção de notícias específicas sobre a captação de recursos, assim como publicações de editais e programas de fortalecimento, a plataforma também oferece de forma gratuita diversos cursos com diferentes temáticas que podem influenciar no momento da busca de incentivos como a “Captação via Prêmios e Editais Socioambientais”, a “Teoria U”, a “Captação com Empresas”, ou até mesmo a “Preparação Para Captação de Recursos”.


Meu Norte


Buscando auxiliar não só no momento da captação de recursos, a plataforma meunorte.com.br tem como objetivo disponibilizar informações para que as organizações se fortaleçam e aumentem o seu impacto social de diferentes maneiras. O site possui um blog com notícias e dicas sobre diferentes assuntos como a captação de recursos e a gestão das organizações, ou até mesmo sobre como realizar a abertura e a formalização de uma organização social levando em conta todos os aspectos legais. Além das notícias e tendências da área, o Meu Norte oferece também de forma gratuita diversas ferramentas que podem ajudar no dia a dia de uma instituição como um cheklist para uma reunião com um possível doador; modelos de atas para assembleias de eleições e constituições; planilhas de contas a pagar e a receber, metas de inscrições em editais, fluxo de caixa e orçamentos; entre outros.


Rede Filantropia


Com o objetivo de disseminar conhecimento técnico sobre gestão no Terceiro Setor, a Rede Filantropia disponibiliza em seu site, filantropia.ong, notícias de destaque sobre a captação de recursos, além da divulgação de cursos, oficinas e treinamentos sobre o assunto. O site possui também a “Plataforma de Editais Êxitos” que mapeia as melhores oportunidades de captação de recursos de acordo com as características e a localização de cada instituição. Além da plataforma de editais, a Rede Filantropia conta também com uma seção inteiramente dedicada a informação, com indicações de livros, e-books, autores, artigos sobre o assunto, e com o Filantropia Responde, espaço em que os usuários podem enviar suas dúvidas aos profissionais da rede em relação à gestão de suas organizações.


Ficas


Organização social com o objetivo de fortalecer outras organizações, associações e coletivos por meio de programas, assessorias e ações gratuitas, o FICAS disponibiliza em seu site, ficas.org.br, informações sobre a sua própria atuação na hora do diálogo com parceiros, além de dicas para as realidades de outras organizações sobre como realizar essa conversa. A plataforma possui também uma parte de biblioteca, onde o FICAS indica publicações, artigos e textos que podem ser úteis na hora da captação de recursos, assim como os relatórios de suas próprias atividades que servem de exemplo e ensinamento àqueles que buscam informação sobre o assunto.


ENATS - Planejamento e Gestão no Terceiro Setor: Os desafios em tempos de crise


Apresentando meios para que projetos sociais se tornem sustentáveis e viáveis a longo prazo, a mesa de discussão “Planejamento e Gestão no Terceiro Setor: Os desafios em tempos de crise”, realizada durante o 17º Encontra Nacional do Terceiro Setor (ENATS) e disponível na íntegra no canal do CeMAIS no Youtube clicando aqui, colocou em pauta quais dados e informações devem ser levados em conta pela organização na hora da busca pelos patrocínios. Participaram do debate a promotora de justiça e coordenadora do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Velamento de Fundações e às Alianças Intersetoriais (CAOTS) Tatiana Pereira; o coordenador nacional de impacto social no ChildFund Brasil e coordenador do Núcleo de Inteligência Social da PUC Minas Cristiano Moura; o cofundador da ASID Brasil e cofundador e sócio da Ago Social Alexandre Amorim; e a gerente e gestora de voluntariado da Fundação Telefônica Vivo e membro do Conselho Brasileiro de Voluntariado Empresarial Karina Daidone. Além de dicas sobre como se iniciar o diálogo com possíveis parceiros, a mesa também apresentou ferramentas para o cálculo de indicadores usados para quantificar o impacto de ações socias, possibilitando assim que a organização forneça dados concretos sobre a sua atuação na hora de negociar com investidores.


Confira também 3 dicas sobre planejamento e gestão dadas durante o ENATS pelo participante da mesa Alexandre Amorim, cofundador da ASID Brasil e cofundador e sócio da Ago Social, destacadas em matéria completa no nosso site clicando aqui!


Realização: Rede Criança e Adolescente Fomentando as OSCs | CeMAIS, com incentivo do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente de Belo Horizonte (FMDCA-BH) e destinação das empresas: Cemig e Vale.

63 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo